Ad Banner

Bolsonaro chama Moro de Judas



O presidente publicou um vídeo sobre as suspeitas em relação ao mandante da facada que levou na campanha de 2018.

"Os mandantes estão em Brasília?", escreveu.

"O Judas, que hoje deporá, interferiu para que não se investigasse?", disse Bolsonaro, citando o depoimento que Moro prestará neste sábado à Polícia Federal sobre as acusações que fez contra o presidente ao sair do governo.

"Nada farei que não esteja de acordo com a Constituição. Mas também NÃO ADMITIREI que façam contra MIM e ao nosso Brasil passando por cima da mesma Constituição", afirmou o presidente.


Postar um comentário

0 Comentários